banner

 

05   06

Dia 04 de Fevereiro - Curitiba tem a meta de chegar a 408 km de estrutura cicloviária implantados até 2025. A ampliação em 200 km da atual malha de vias existentes para a ciclomobilidade faz parte do Plano de Estrutura Cicloviária desenvolvido pela Prefeitura e anunciado pelo prefeito Rafael Greca na reabertura dos trabalhos na Câmara Municipal, nesta segunda-feira. "As novas estruturas cicloviárias têm como prioridade a intermodalidade, de forma a favorecer a integração da bicicleta à rede de transporte público e aos demais modais", observa o presidente do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), Luiz Fernando Jamur.

 

A proposta da Prefeitura para a primeira etapa do plano, com início neste ano, é ampliar em quase 14% a estrutura cicloviária da cidade. Serão mais 28,8 km com ligações importantes e integradas aos eixos de transporte da Avenida República Argentina e Rua Padre Anchieta a universidades e locais de grande fluxo de pessoas. Só com a realização da primeira etapa do plano, Curitiba chegará a um porcentual de 4,93% de vias urbanas destinadas à ciclomobilidade.

 

O Plano de Estrutura Cicloviária faz parte do Plano Setorial de Mobilidade, que está em revisão e atualização pelo Ippuc. O Plano de Mobilidade vigente em Curitiba é de 2008. Previstos no Estatuto da Cidade (Lei Federal 10.257/2001), os Planos Setoriais devem ser atualizados em consonância com o Plano Diretor.

Leia a notícia completa em MAIS...

 

02     

Dia 05 de Fevereiro - O prefeito Rafael Greca recebeu nesta terça-feira a visita de consultores da Bloomberg Philantropies que irão contribuir para a implementação do projeto "Transporte para Inclusão" - um aplicativo de georreferenciamento que visa a dar mais eficiência à Linha Acesso, serviço gratuito de transporte que beneficia 1.500 pessoas com deficiência na cidade.

 

A reunião com o prefeito faz parte da primeira etapa da execução do aplicativo, que recebeu aporte de US$ 50 mil da Bloomberg Philantropies em setembro de 2018. O projeto de Curitiba foi um dos finalistas do Bloomberg Philanthropies Mayors Challenge.

 

O projeto foi coordenado por equipes técnicas do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc) e Urbanização Curitiba (Urbs), com a participação da engenheira Rosângela Battistella (Setran), o suporte do Conselho da Pessoa com Deficiência, da Assessoria da Pessoa com Deficiência, por intermédio de Fernanda Primo e da assessoria de Informação e Tecnologia. Também participaram da reunião o assessor de Relações Internacionais da Prefeitura, Rodolpho Zannin Feijó;  o presidente da Urbs, Ogeny Maia Neto; Liana Vallicelli, Marcia Krama e Ana Paula Bertolini, da equipe técnica do Ippuc. Leia a notícia completa em MAIS...

 

Dia 06 de Fevereiro - Os visitantes Younghwan Pan e Renato Bertac, da Kookmin University (Coréia do Sul) estiveram no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (IPPUC) para conhecer os atuais projetos de planejamento urbano para Curitiba. A visita foi intermediada pela Coordenação de Relações Externas do IPPUC.


Dia 07 de Fevereiro - Os visitantes Kenya Nakanishi, Jundo Yoshida, Ryota Narushima, Fumihiko Kakehi, do Instituto Nacional para o Gerenciamento de Terras e Infraestrutura (NILIM), no Japão, estiveram no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (IPPUC) para conhecer os atuais projetos de planejamento urbano para Curitiba. A visita foi intermediada pela Coordenação de Relações Externas do IPPUC.


03  

04

Dia 08 de Fevereiro - Até o fim de Fevereiro, deverão ser concluídas as obras da cobertura do Palácio Belvedere para a sequência do restauro do edifício, que foi atingido por um incêndio em dezembro de 2017.

 

Nesta sexta-feira (8/2) os arquitetos Mauro Magnabosco e Carla Frankl, do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), Laressa Chornobay, da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, e Rachel Tessari, da Coordenação do Patrimônio Cultural (CPC) da Secretaria de Estado da Cultura, vistoriaram o local para acompanhar o andamento dos trabalhos. "As vistorias fazem parte do processo de restauro e da verificação de partes da estrutura que permanecerão como memoriais da obra", explicou Magnabosco. Leia MAIS...

 

01

Dia 12 de Fevereiro - O Plano de Estrutura Cicloviária de Curitiba, que tem a meta de dotar a cidade de 408 km de vias destinadas à ciclomobilidade até 2025, está disponível para acesso na página do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc). A proposta da Prefeitura será aberta à primeira discussão na reunião do Conselho da Cidade (Concitiba), prevista para a segunda semana de março, no auditório do Instituto. O Plano de Estrutura Cicloviária faz parte do Plano Setorial de Mobilidade, que está em revisão e atualização pelo Ippuc.

"O plano já está disponível à consulta de toda a população pela internet. E será aberto ao debate na reunião do Concitiba, o conselho que reúne representantes de movimentos populares, da iniciativa privada e congrega diversos segmentos da sociedade organizada", observa o presidente do Ippuc, Luiz Fernando Jamur.

Leia a notícia completa em MAIS...

 

Dia 18 de Fevereiro - A arquiteta urbanista Sílvia Rafaela Scapin Nunes, do Rio Grande do Sul, visitou o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (IPPUC) para conhecer os atuais projetos de planejamento urbano para Curitiba. A visita foi intermediada pela Coordenação de Relações Externas do IPPUC.

 

Dia 19 de Fevereiro - Os visitantes Gilson Yukio Sato, Hipolito Martell, Gabriel Souza e Silva, Lefèure Melissa, Dam Borgman, Lucca Rawlyk, Decio Estevão de Nascimento e Florence Shubljar, das instituições UTC (em Compiègne, França), Universidade de Twente (em Enschede, Países Baixos), e Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), estiveram no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (IPPUC) para conhecer os projetos de planejamento urbano que estão sendo desenvolvidos em Curitiba. A visita foi intermediada pela Coordenação de Relações Externas do IPPUC.

 

07   08

Dia 19 de Fevereiro - O prefeito de Curitiba, Rafael Greca, está empenhado num esforço metropolitano, com os prefeitos de cidades vizinhas situadas ao norte da Capital, pela conclusão do último trecho do Contorno Norte. O pleito pela finalização do anel rodoviário no entorno de Curitiba será levado a Brasília nas próximas semanas para ser apresentado ao Ministério dos Transportes. A decisão se deu em reunião de Greca e do vice-prefeito, Eduardo Pimentel, com a prefeita de Colombo, Beti Pavin, nesta terça-feira (19/2), no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc). O presidente do Instituto, Luiz Fernando Jamur, participou da reunião.

 

"Vamos pedir ao governo federal que termine uma obra que foi iniciada na década de 70 e se arrasta desde então. A finalização desta diretriz de arruamento que ainda está intacta é de grande importância para Curitiba e os municípios metropolitanos do norte na ligação com os estados vizinhos", reforçou Greca.

 

O trecho a ser finalizado tem cerca de 13 quilômetros e irá favorecer a integração de quem segue pela Rodovia Régis Bittencourt às cidades de Campo Largo, Colombo, Almirante Tamandaré, Quatro Barras e Campina Grande do Sul, sem a necessidade de cruzar Curitiba por dentro. "É uma obra que vai integrar toda a região e facilitar muito a vida também dentro de Curitiba. Quem vem do Norte do Paraná e pretende seguir a São Paulo poderá cortar direto pelo contorno, sem ter que dar uma volta imensa, como é hoje", observou a prefeita de Colombo.

Leia MAIS...


09   10

Dia 20 de Fevereiro - Realizado o encontro Diálogos Urbanos, no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba, com o tema "Ippuc debate a consolidação de Curitiba como cidade inteligente". O entendimento do que se considera uma cidade inteligente passa pelo impacto que a inovação tem na vida dos habitantes. O processo de construção, as experiências das chamadas smart cities ao redor do mundo e o que está sendo trabalhado em Curitiba neste campo foram destaques da palestra da presidente da Agência Curitiba, Cris Alessi, ministrada na tarde desta quarta-feira. O encontro abriu a rodada deste ano do Projeto Diálogos Urbanos, de discussão mensal e intercâmbio de conhecimentos sobre o futuro de Curitiba, organizado pela Supervisão de Informações do Instituto.

 

"Abrimos os Diálogos Urbanos com um tema oportuno e convergente às ações de Curitiba, que será sede, em março, do Smart City Expo, o maior evento de cidades inteligentes do mundo", ressaltou a supervisora de Informações do Ippuc, Liana Vallicelli.

 

Na apresentação ao corpo técnico do Instituto de Planejamento, a presidente da Agência Curitiba ressaltou o compromisso do prefeito Rafael Greca no encaminhamento de Curitiba à inovação. "Desenvolvimento e inovação caminham juntos. É uma dobradinha que está impulsionando cidades ao redor do mundo. Em Curitiba, o prefeito tem orientado essas ações dentro do contexto do Vale do Pinhão." Leia MAIS...

 


 11   12

Dia 21 de Fevereiro - O conjunto de informações e mapas interativos de Curitiba, disponível no portal do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), poderá contar com contribuições de universitários e também fazer parte de conteúdo acadêmico. A Rede Curitiba de Soluções Urbanas Inovadoras, desenvolvida pelo Ippuc, fará parte do segundo módulo do programa UniverCidade, de monitoria urbana, já em curso na Prefeitura, com a participação 173 de estagiários de ensino superior.

 

O UniverCidade conta com estudantes de terceiro e quarto anos, de cursos das áreas de exatas, biológicas e humanas que estão iniciando estágios na estrutura municipal e que na tarde desta quinta-feira, (21/2), receberam as boas-vindas do prefeito Rafael Greca, em evento na Prefeitura.

 

Pela manhã, no Ippuc, o prefeito fez consultas ao conteúdo disponível no portal do instituto. "A riqueza de conteúdo do Ippuc dará suporte à segunda etapa do projeto UniverCidade e também poderá enriquecer a cátedra Curitiba, uma matéria de conhecimento acadêmico sobre a cidade, que estamos construindo em conjunto com a PUCPR", observou Rafael Greca.

 

A participação dos universitários, bem como professores e pesquisadores no módulo 2 do UniverCidade, com calendário ainda a ser definido, poderá se dar na consulta e troca de informações com o Ippuc e no auxílio ao processo de planejamento e gestão urbana. Leia a notícia completa em MAIS...


13

Dia 27 de Fevereiro - Curitiba deu início à construção de um plano de governo alinhado à redução das emissões de gases do efeito estufa, que já deve ser implementado a partir de 2021. A iniciativa faz parte do compromisso assumido pelo município e assinado pelo prefeito Rafael Greca com os requisitos do Acordo de Paris, que é um tratado mundial para minimizar as consequências do aquecimento global.

 

As discussões aconteceram durante a manhã desta quarta-feira no Palácio 29 de Março, sede da Prefeitura, e contaram com a presença de titulares de pastas da administração municipal e membros dos grupos de trabalho setoriais voltados para o planejamento de ações da cidade.

Os consultores do C40 - rede mundial de cidades comprometidas com soluções para problemas decorrentes das mudanças climáticas - apresentaram também um diagnóstico das ações climáticas existentes em Curitiba e as propostas para que a cidade chegue à meta de redução de emissões de gases em 2020. As ações devem permear todas as áreas da Prefeitura.

 

Para Greca, que lembrou das últimas grandes chuvas que atingiram a cidade na quinta-feira (21/2), as ações devem ser tomadas em caráter de urgência para conter o aquecimento global. "Estudos recentes revelam que a cada grau que a Terra esquenta, podemos chegar a um aumento de 590 milímetros de precipitação ou três dias de chuva como a que nos infelicitou na semana passada", disse o prefeito. Leia MAIS...